VOLTAR

Exército vai demarcar a reserva dos Kaiapó

A Província do Pará (Belém - PA)
27 de jul de 1985

A reserva indígena Kayapó, com 3,3 milhões de hectares, será totalmente demarcada dentro de três meses, como afirmou o delegado regional da Funai, Salomão Santos. O trabalho está sendo feito pela Divisão Geográfica do Exército, assistido por um agrimensor da Funai. Salomão Santos acaba de voltar da aldeia Kikretum, na reserva kayapó, onde foi registrado um atrito entre índios e servidores da Funai, há dez dias, num garimpo ali existente. Segundo Salomão, os índios estavam desconfiados diante da escassez de recursos do garimpo.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.