VOLTAR

Denúncia de ocupação de terra leva índio à prisão

O Estado de S.Paulo (São Paulo - SP)
18 de nov de 1978

A Funai, através do sertanista Apoena Meirelles, está investigando as causas da prisão ilegal de um indígena Macuxi, em Boa Vista (RR), feita pelo delegado regional do órgão. O indígena foi interrogado durante quatro horas na delegacia da Funai sobre uma carta enviada por seu pai ao Cimi, denunciando a invasão de suas terras por fazendeiros. Apoena afirmou que a origem de todo o problema é de ordem estrutural, pois a Funai não demarcou as terras indígenas no Estado. Além disso, a notícia apresenta as declarações feitas pelo padre José Vicente César, presidente do Instituto Anthropos do Brasil, criticando a proposta de emancipação indígena do Ministério do Interior. Para ele, ao invés de se atentar à emancipação, o governo deveria estar empenhado em demarcar as terras indígenas restantes, como estabelecido pelo Estatuto do Índio.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.