VOLTAR

Delegado da Funai muda interpretação acerca de acordo

A Província do Pará (Belém - PA)
07 de mar de 1985

Foi preciso que um representante da Propará/ Banco Denasa explicasse o acordo assinado pelo presidente da Funai, Nelson Marabuto, para que o próprio delegado regional da Funai, Salomão Santos, mudasse a interpretação sobre o documento, que foi divulgado em tom de denúncia como algo que representava a desistência do órgão em relação a nada menos que 97% das terras da reserva do Alto Rio Guamá, no município de Viseu.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.