VOLTAR

Criticada a fórmula para resolver a posse da ilha

O Estado de S.Paulo (São Paulo - SP)
10 de jan de 1980

O Comitê de defesa dos índios Xokó, de Sergipe, divulgou ontem uma nota questionando o governo do estado por ter pagado à família Brito, que disputava a posse das terras da Ilha de São Pedro com a etnia Xokó, uma quantia de Cr$ 2400 mil pela desapropriação das terras. Essa decisão, segundo o Comitê, é lesiva aos interesses do povo sergipano, já que o governo comprou uma terra obtida pela família Brito através da grilagem, cuja propriedade estava sendo discutida na Justiça.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.