VOLTAR

Condel: será mesmo um forum de debate?

O Liberal, Belém - PA
Autor: Lucio Flavio Pinto
01 de ago de 1980

Se o representante da Secretaria de Planejamento da Presidência da República não tivesse percebido o detalhe, a Terra Rica Industrial e Comercial teria conseguido, ontem, que o Conselho Deliberativo da Sudam aprovasse seu projeto agropecuário, no valor de 175 milhões de hectares, com uma irregularidade gritante: a empresa obtivera uma certidão negativa da Funai para uma área e vai implantar seu empreendimento em outra área. Isto é, a Funai atestou a inexistência de aldeamento indígena para uma certa área, presumidamente a mesma da fazenda, mas o projeto tem outra localização. Pela certidão da Funai, verifica-se que na referente área deverão ser instalados os índios Parakanã, em consequência do represamento do rio Tocantins pela hidrelétrica de Tucuruí.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.