VOLTAR

Brancos não deram escola aos índios. O cacique tomou

Diário do Povo (Campinas - SP)
12 de abr de 1980

Indígenas Tupiniquim ocupam um grupo escolar, uma creche e um posto de saúde localizados dentro de sua reserva em Caieiras Velha, no município de Aracruz, ES. O cacique da etnia afirmou que eles estão protestando contra a discriminação que sofrem. Alegou que as crianças indígenas estudam em uma precária casa de madeira, enquanto as crianças não-indígenas dispõem do grupo escolar, agora ocupado. No momento da ocupação, o cacique estava acompanhado de 40 crianças Tupiniquim e da professora da Funai, Maria de Oliveira Reis. O sub-secretário da Educação de Espírito Santo já solicitou à Secretaria de Segurança que impedisse a presenta de força policial da Aracruz na área para evitar conflitos e enviou para Caieiras um representante para conversar com os Tupiniquim.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.