VOLTAR

Bispo de Propriá volta a apontar pressões e ameaças

O Estado de S.Paulo (São Paulo - SP)
28 de nov de 1978

O bispo de Propriá, Dom José Brandão de Castro, pela segunda vez em menos de dois meses, dirigiu-se à Aracaju para denunciar às autoridades policiais a pressão e as ameaças de morte que ele e outros religiosos estão sofrendo por parte da família Guimarães Brito, do prefeito do município. Segundo o bispo, as ameaças começaram a ser feitas depois de mais de 24 famílias terem levantado cercas na Ilha de São Pedro tentando reaver aquelas terras, tradicionalmente pertencentes a seus familiares, indígenas da etnia Xokó.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.