VOLTAR

Antropólogo é demitido por sugerir ampliação

Folha de São Paulo
07 de jun de 1981

O antropólogo Benedito Tadeu César, professor da Universidade Federal do Espírito Santo, contratado pela Funai para o departamento de Identificação e Documentação, foi demitido do órgão porque elaborou um relatório sugerindo a ampliação do território dos Apurinã, de Boca do Acre (AM), em 8.500 hectares.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.