VOLTAR

Amapá fará diagnóstico estrutural oficial das comunidades quilombolas

Governo do Estado do Amapá - https://www.portal.ap.gov.br/
Autor: Por: Gabriel Penha
05 de out de 2020

O governo do estado quer levantar informações sobre saúde, educação, transporte, entre outros setores, para elaboração de políticas públicas.

A Secretaria Extraordinária de Políticas para Afrodescendentes (Seafro), órgão do Governo do Amapá, iniciou um projeto para um diagnóstico oficial das comunidades quilombolas do Amapá.

Através de trabalho de campo (pesquisa), o objetivo é fazer um levantamento das condições em que vivem os moradores dessas regiões e ainda conversar com lideranças e moradores, para apontar as necessidades em setores como saúde, educação, transporte, comunicação, segurança pública, dentre outros.

"Nas ações que desenvolvemos nas comunidades já temos uma noção do que precisam em termos estruturais. No entanto, a ideia aqui é elaborar um estudo oficial das condições em que vivem os moradores desses lugares, para termos mais dinamismo e rapidez na elaboração de ações afirmativas e políticas públicas para elas", explica o assessor técnico da Seafro, Pedro Alencar.

O projeto recebeu o nome de "Diagnóstico Territorial Quilombola: equipamento e infraestrutura das comunidades". Esse estudo irá acontecer nas quarenta comunidades certificadas como remanescentes no Amapá.

De acordo com o texto do projeto, o objetivo é "realizar um diagnóstico territorial quilombola em quarenta comunidades certificadas e tituladas quilombolas e, fortalecer o processo de desenvolvimento social local". Esse trabalho preferencialmente será articulado com as associações quilombolas ou de moradores, onde houver.

As visitas às comunidades já iniciaram. No entanto, esse trabalho não tem um prazo para ser concluído, uma vez que precisará ser o mais aprofundado possível, conforme explica o assessor técnico da Seafro, Pedro Alencar.

Após a conclusão, será enviada uma cópia do relatório final para cada secretaria competente, com sugestões de ações e políticas públicas para a melhoria da qualidade de vida desses moradores. A ação faz parte do programa "Amapá Afro", que engloba atividades transversais com essas secretarias.

https://www.portal.ap.gov.br/noticia/0510/amapa-fara-diagnostico-estrut…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.