VOLTAR

Votação para liberação de transgênico é adiada

OESP, Vida, p. A17
23 de Mar de 2007

Votação para liberação de transgênico é adiada

Lígia Formenti

A votação da liberação comercial de uma espécie de milho transgênico produzida pela Bayer foi novamente adiada ontem, por causa de um tumulto durante a reunião da Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio). A confusão começou antes de a sessão ser instalada, diante do impasse provocado pela presença de dois integrantes do Greenpeace - Gabriela Vuolo e João Alfredo Telles Melo - na reunião.

A ONG havia feito um pedido formal para participar como ouvinte. Como não houve resposta, os representantes entraram na sala com o auxílio da representante do Ministério Público Federal na CTNBio, Maria Soares Cordioli. "Como o pedido para acompanhar a sessão precisaria ser votado pelo plenário, pedimos que saíssem, mas eles se recusaram", contou o presidente da comissão, Walter Colli. Policiais foram chamados e, depois de duas horas de polêmica, a reunião foi cancelada.

A ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, disse ontem que aceitava a redução de quórum da CTNBio, mas que "o ministério continuará vigilante em relação às suas atribuições, no que concerne ao cuidado com a biodiversidade".

OESP, 23/03/2007, Vida, p. A17

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.