VOLTAR

Uma suspeição (2)

O Liberal
Autor: Lucio Flavio Pinto
07 de mar de 1985

O artigo procura delimitar o que considera ser o problema central do acordo firmado entre a Funai e as empresas que constituem a gleba Cidapar. Em primeiro lugar, o autor deixa claro que é preciso esperar a confirmação do levantamento ainda a ser realizado pelo grupo de trabalho nomeado, que confirmará o real perímetro da reserva do Alto Rio Guamá e, consequentemente, se há ou não sopreposição das terras reivindicadas pelos fazendeiros. Depois, o autor traça o histórico das tentativas empreendidas anteriormente para solucionar o problema, todas sem sucesso, e ressalta a importância de se estar tentando novamente. Em seguida, o autor tenta esboçar a situação dos índios Tembé em relação ao litígio. E enfim, conclui que qualquer que seja a resolução tomada pelas partes, é preciso que seja feita às claras, referendada pela opinião pública e pelos envolvidos.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.