VOLTAR

Um até breve aos índios e à mata

Jornal do Brasil, Rio de Janeiro - RJ
Autor: Antônio José
24 de out de 1988

O antropólogo norte-americano Darrell Posey, que está sendo processado com os caciques kayapó Paulinho Paiakã e Kubey, pela Justiça Federal em Belém, sob acusação de denegrir a imagem do Brasil no exterior, recebeu do governo brasileiro autorização para deixar o país durante dois anos para realizar uma pós-graduação na Alemanha. O antropólogo, que há 11 anos trabalha para o Museu Paraense no Projeto kayapó, disse que pretende apresentar seus estudos em conferências pela Europa.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.