VOLTAR

Ufopa faz novas recomendações contra coronavírus com atenção a indígenas e quilombolas

G1 Santarém — Pará
Autor: G1 Santarem PA
15 de abr de 2020

Recomendações são para a comunidade acadêmica e profissionais terceirizados que fazem trabalhos essenciais e presencias nas unidades da universidade.

A Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) publicou novo comunicado do Grupo de Trabalho Técnico-Científico de Enfrentamento do Coronavírus. No documento há novas recomendações destinadas a grupos específicos. De acordo com a universidade, a comunidade acadêmica e trabalhadores terceirizados que estejam realizando atividades essenciais de forma presencial na Ufopa precisam ficar atentos às medidas.

Confira o comunicado com as novas recomendações
Conforme o comunicado, aos indígenas e quilombolas além das recomendações vigentes leva-se em consideração a vulnerabilidade agravada, conforme indicado no item 8 da Recomendação no 11/2020, do Ministério Público Federal. Desta forma, o GT reforça que viagens devem ser evitadas, com o propósito de reduzir a circulação dos indígenas e quilombolas nas cidades e evitar exposição ao contágio.

De acordo com o comunicado, se ocorrer viagem partindo da área urbana até a comunidade vulnerável, sugere-se, com base nas evidências científicas e recomendações técnicas, que seja feita quarentena com o isolamento domiciliar, ou seja, a pessoa deve ficar afastada da comunidade, inclusive de familiares, por um período de 14 dias, com isolamento rigoroso, independentemente do surgimento de sinais e sintomas.

https://g1.globo.com/pa/santarem-regiao/noticia/2020/04/15/ufopa-faz-no…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.