VOLTAR

Turismo desordenado cria favela e lixão em Fernando de Noronha

Folha de São Paulo
16 de jun de 1995

Dos 1.908 habitantes da ilha, 1.155 chegaram nos últimos sete anos (só 26,3% do total são nativos). O crescimeto desordenado causou o surgimento de favelas e de um lixão na ilha principal do arquipélago.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.