VOLTAR

Tribunal Russell ouve novos relatos sobre etnocídio no Brasil

O Globo (Rio de Janeiro - RJ)
27 de nov de 1980

Os relatos a respeito da situação dos índios do Brasil, no Tribunal Russel, foram feitos pelo Tukano da região do Rio Negro, Álvaro Sampaio, pela jornalista Memélia Moreira, que fez denúncias a respeito dos Yanomami, e pelo padre Egídio Schawade, que falou sobre os Kaingang e Guarani. O depoimento de Álvaro Sampaio carregou duras acusações contra a atuação dos missionários salesianos na região do Rio Negro.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.