VOLTAR

Tribo Karajá estuda em sua língua tribal

Correio Braziliense (Brasília-DF)
08 de jul de 1982

As comunidades Karajá da Ilha do Bananal serão beneficiadas por um programa da Funai relativo à educação. Suas escolas farão uso de material didático escrito em Karajá. A iniciativa, que deve se estender a outras comunidades, tem como objetivo a alfabetização bilíngue.
No Paraná, a comunidade Kaingang do posto Indígena Rio das Cobras terá energia elétrica fornecida COPEL.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.