VOLTAR

Terenas querem uma área

Diário de Cuiabá (Cuiabá-MT)
24 de jun de 1998

Representantes dos índios Terena estão negociando com o superintendente do INCRA, Clóvis Figueiredo Cardoso, uma área exclusiva para a comunidade indígena. O que ficou assegurado na reunião é que o órgão providenciará uma área para abrigar os 62 índios que vivem na periferia de Rondonópolis (MT).
A história dos Terena no estado do Mato Grosso teve início nos anos 80, quando 16 famílias saíram do Mato Grosso do Sul e passaram a conviver entre os Bororo da aldeia de Tadarimana, na região sul do Estado. Contudo, a diferença cultura entre as duas etnias foi fundamental para sua separação, e, desde 1988 os Terena passaram a viver na periferia de Rondonópolis e lutam para obter uma área para plantar e manter suas tradições.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.