VOLTAR

Ser ecológico agora é chique

OESP, Economia, p. B12
02 de mai de 2007

Ser ecológico agora é chique
O consumo 'verde' domina da moda à decoração

Dê uma olhada em volta e notará que alguns de seus amigos mais antenados estão se tornando verdes. Estão iluminando sua casa com lâmpadas com baixo consumo de energia, lavando as roupas em água fria, usando sabões em pó biodegradáveis e sem fosfato, limpando o assoalho com limpadores isentos de solventes e dormindo em lençóis feitos de fibras de bambu. Eles talvez até estejam tendo férias ecológicas, assistindo a casamentos ecológicos e se hospedando em hotéis ecológicos.

O verde está se infiltrando em áreas antes regidas somente por considerações como ser moderno e de bom gosto -- na decoração de residências (tapetes feitos de garrafas plásticas recicladas, mesas de madeira reaproveitada, lençóis e toalhas feitos de fibras orgânicas); na alimentação e nos restaurantes (comida orgânica, vegetariana, crua e slow food); moda e beleza (maquiagem e produtos para a pele ambientalmente corretos), roupas íntimas confeccionadas a partir de fibras de soja, a nova linha Eco da Levy's de algodão 100% orgânico e até mesmo nossos veículos (carros acionados por combustíveis alternativos, gás natural e carros elétricos).

Hoje em dia, porém, há tantos itens da última moda no mercado amigáveis ao meio ambiente e ecologicamente corretos, que você pode ser um ambientalista sem fazer alarde disso.

Ecológico é chique. Talvez até seja o acessório 'mais quente' do novo estilo de vida. 'Nos últimos anos, tem surgido um interesse na cidadania consciente em relação ao meio ambiente. Esse interesse foi impulsionado pelo filme Uma Verdade Inconveniente e pelo ativismo de celebridades como Leonardo DiCaprio', diz Constance White, editora de moda da eBay. O destaque tem sido em carros e alimentos, mas está tomando conta da moda. Porém, o desafio que a moda, a indústria da beleza e as moradias enfrentam é o mesmo que as montadoras de veículos começaram a encarar - os compradores querem ser responsáveis, mas também querem tudo -- estilo, conforto e elegância --junto com sua granola'.

OESP, 02/05/2007, Economia, p. B12

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.