VOLTAR

Sarampo já matou 55 índios Kulina e Deni

A Crítica (Manaus-AM)
25 de mar de 1992

O sarampo, que já havia matado 55 índios Kulina e Deni entre dezembro de 91 e fevereiro de 92, apresenta um novo surto que mobiliza a ida de outra equipe para a região do município de Carauari e Itamarati.
O caso dos Yanomami é apresentado como um exemplo dos malefícios do contato entre indígenas e garimpeiros, que já foram expulsos das terras deste grupo.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.