VOLTAR

Reféns do Xingu ameaçados de morte por líderes indígenas

Folha de São Paulo (São Paulo-SP)
30 de abr de 1984

Os jovens guerreiros Kayapó Metyktire estão profundamente irritados com a demora das autoridades em atender duas reivindicações, e, por isso o cacique Raoni teme a morte dos reféns que se encontram presos na aldeia Cretire.
Em Brasília, quatro lideranças xinguanas, acompanhadas pelo deputado Mário Juruna (PDT-RJ), se reunirão com o ministro do Interior, Mário Andreazza, para discutir suas reivindicações já encaminhadas ao Ministério.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.