VOLTAR

Presidente da Funai acha que funcionários incitaram os apinajé

O Estado de São Paulo
10 de dez de 1983

O presidente da Funai, Otávio Ferreira Lima, acredita que houve incitamento por parte de funcionários da Funai que atuam no norte de Goiás no episódio que na semana passada envolveu várias tribos em Araguaína, quando a sede da Ajudância foi ocupada por 300 índios que exigiam o afastamento do novo chefe nomeado pelo órgão para a área, Wilker Célio Fernandes.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.