VOLTAR

Prefeitura de Redenção extraía madeira em reserva indígena

Surgiu - http://surgiu.com.br/
31 de mar de 2012

Investigações da Polícia Federal apontam tratar-se de uma empresa de fachada utilizada pelo gestor para a execução de obras contratadas com a prefeitura.

Na tarde da ultima quarta-feira (28), após denúncias dirigidas à Delegacia de Polícia Federal em Redenção, agentes federais sob o comando do delegado Luís Felipe da Silva uma equipe da Funai (Fundação Nacional do Índio) dirigiram-se à área de reserva indígena próxima da Aldeia Las Casas, no município e Pau D'Arco, onde estaria havendo retirada ilegal de madeira pela Prefeitura de Redenção.

No interior da reserva, os policiais encontraram e apreenderam um trator de propriedade do Estado do Pará, com logomarca da Secretaria de Projetos Estratégicos e plaqueta de patrimônio 001058, cedido em comodato à administração municipal de Redenção.

Foram localizados ainda três trabalhadores a serviço da empresa Prudente Terraplanagem, de propriedade de Milton Luiz Sroczinski, pessoa que, segundo a PF, seria ligada ao prefeito de Redenção, Wagner Fontes.

Investigações da Polícia Federal apontam tratar-se de uma empresa de fachada utilizada pelo gestor para a execução de obras contratadas com a prefeitura.

Os trabalhadores confirmaram aos agentes federais que tanto o trator encontrado quanto outras máquinas, incluindo uma carregadeira e caçambas, pertencem à Prefeitura de Redenção eram operados por funcionários da administração municipal, por ordem do secretário de Obras de Redenção, Élvio Massuti, e do prefeito Wagner Fontes. No local ainda foi encontrado um uniforme da Prefeitura de Redenção e sete motosserras que eram utilizados no corte da madeira retirada do interior da reserva indígena.

Foram identificadas, no interior da reserva indígena, diversas áreas de derrubada de madeira das espécies amarelão, jatobá, ipê e angico, assim como foi localizado um acampamento no interior da mata que servia de base para a extração ilegal.

A Polícia Federal instaurou inquérito para apurar os fatos e os envolvidos serão indiciados pelos crimes de furto qualificado contra o patrimônio de comunidade indígena e de utilização de motosserra sem licença da autoridade competente, no caso o Ibama.

A Polícia Federal informou ainda que a cessão de veículos e máquinas da prefeitura para empresa particular configura improbidade administrativa, devendo ser aberto procedimento pelo Ministério Público Federal.

Prefeito silencia

Por volta das 13 horas de ontem, sexta-feira (30), após inúmeras tentativas para o celular do prefeito Wagner Fontes, feitas do correspondente do CT em Redenção, o gestor redencense retornou uma das ligações, porém foi sucinto em sua resposta quanto às acusações. Disse que não sabia do que se tratava e, por isso, não falaria sobre o assunto.

O Jornal também procurou o secretário de Obras de Redenção, Elvio Massuti, mas as ligações para o celular dele eram encaminhadas à caixa de mensagem.

http://surgiu.com.br/noticia/29365/prefeitura-de-redencao-extraia-madei…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.