VOLTAR

Parque Nacional Sempre Vivas integra Mosaico do Espinhaço em Minas

ICMBio - www.icmbio.gov.br
Autor: Sandra Tavares
29 de nov de 2010

O Diário Oficial da União desta segunda-feira (29) traz portaria assinada pela ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, regulamentando o Mosaico de Unidades Conservação Espinhaço: Alto Jequitinhonha-Serra do Cabral, em Minas Gerais.

Integram o mosaico o Parque Nacional das Sempre Vivas, gerido pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), e os parques estaduais Serra do Cabral, do Biribiri, do Rio Preto, do Pico do Itambé e da Serra Negra, a Estação Ecológica Estadual Mata dos Ausentes e a Área de Proteção Ambiental Estadual Água das Vertentes, administradas pelo Instituto Estadual de Florestas de Minas Gerais (IEF).

Além deles, fazem parte do mosaico a Área de Proteção Ambiental Felício dos Santos, sob a gestão da Prefeitura Municipal de Felício dos Santos, e a Área de Proteção Ambiental Rio Manso, administrada pela Prefeitura Municipal de Couto de Magalhães de Minas.

O mosaico contará com um conselho, de caráter consultivo, que atuará na gestão integrada dessas unidades. Entre as tarefas do conselho, estão elaborar seu regimento interno, propor diretrizes e ações para compatibilizar, integrar e otimizar as atividades desenvolvidas em cada unidade de conservação.

Representantes dos órgãos e entidades públicas, além de representantes da sociedade civil comporão o conselho. O presidente, a ser escolhido pela maioria simples de seus membros, poderá ser um dos chefes das unidades de conservação abrangidos pelo mosaico. O trabalho, com mandato de dois anos renovável por igual período, é considerado atividade de relevante interesse público e não conta com qualquer tipo de remuneração.

http://www.icmbio.gov.br/noticias/parque-nacional-sempre-vivas-integra-…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.