VOLTAR

Para quem vive no Amazonas, caboclo é vítima, e não vilão

O Globo, p.13 (Rio de Janeiro - RJ)
08 de mar de 1998

Embora acusados de destruir a floresta, os caboclos encontram no Amazonas gente que entende a sua atitude, no lugar de condená-la. Diante de uma série de propostas para a substituição do extrativismo florestal, que não contam com a simpatia local, o ecoturismo tem tomado espaço, ainda que esteja engatinhando.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.