VOLTAR

Os padres salesianos e a esquerda curupira

A Crítica (Manaus - AM)
21 de dez de 1980

Editorial sobre a condenação dos padres salesianos que atuam junto aos índios do Rio Negro, durante o Tribunal Russell, realizado na Holanda. Ao comparar o trabalho exercido pelos padres com o exemplo de Madre Tereza de Calcutá, o jornal evidencia o que considerou ser o caráter de má fé da condenação. Para o jornal, os padres modificam apenas os costumes nocivos aos grupos indígenas, como o caso dos abortos cometidos pelas mulheres Yanomami e Maku. O texto ainda traz críticas ao comportamento da esquerda dentro deste contexto.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.