VOLTAR

Omissão da Funai agrava conflito

Correio Braziliense (Brasília-DF)
28 de mar de 1984

A tensa situação no Parque Indígena do Xingu permanece inalterada diante a omissão do presidente da Fundação Nacional do Índio, Otávio Ferreira Lima, que se nega ir à reserva, como exigem os movimentos indígenas. Eles reivindicam a incorporação de uma área de 15 quilômetros, que pertencia ao Parque até a construção da BR-080.
Cerca de 90 guerreiros Metyktire interditam a rodovia desde a última sexta feira, e outros 130, dos povos Kisêdjê, Yudjá e Kaiabi, se deslocaram até a Aldeia Kretire para somar força junto aos Metyktire.
Segundo informou a Funai, o órgão não tem recursos para pagar a indenização ao proprietários das fazendas instaladas na área reivindicada.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.