VOLTAR

Novas missões tentam o contato com os índios

Correio do Povo
17 de dez de 1968

Após o massacre da expedição do padre Calleri, pelos índios Waimiri Atroari, a Funai havia decidido não mais permitir missões com as mesmas características que a de Calleri (pequeno grupo, com poucos presentes e presença de mulheres). A Funai, porém, autorizou a formação de uma expedição chefiada por um padre, para pacificar os índios Canoeiro e os Beiços de Pau.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.