VOLTAR

No Morumbi, 150 índios tentam manter a tradição de sua tribo

Folha da Tarde
19 de jun de 1991

Na favela Parque Real, no Morumbi, em São Paulo, já vivem 150 índios Pankararu, submetidos a um êxodo permanente de sua tribo no sertão pernambucano, por um conflito com posseiros que se arrasta por décadas. Na visão do secretário geral do Sindicato dos Trabalhadores de Petrolândia, o ideal seria os índios se aliarem aos posseiros para exigir do governo a desapropriação de latifundiários da região.

--
Um serviço de SOS funciona na favela

A SOS Índios Favelados foi fundada pelos índios Pankararu moradores da favela Real Parque no Morumbi. O objetivo da entidade é lutar não apenas pelos interesses dos Pankararu, mas de todos os índios abandonados em São Paulo.

--
Eles já foram donos de muitas terras no Império

A notícia traz o histórico dos conflitos fundiários que envolveram os índios Pankararu desde a época do Império de Dom Pedro II. Traz também a situação atual em Petrolândia, e na favela em São Paulo.

--
Conflito com posseiros continua

Várias entidades foram envolvidas e se sensibilizaram com o conflito entre índios Pankararu e posseiros em Pernambuco. O Instituto Apoio Jurídico Popular preparou um documento analisando a situação e repassou sugestões à CUT. O Cimi também acompanha de perto a situação.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.