VOLTAR

Mutirão da Cidadania atenderá índios do Parque Nacional do Xingu

24HorasNews
12 de set de 2007

Uma das maiores ações de cidadania em benefício à comunidade indígena do Estado acontece na próxima segunda-feira (17.09). A caravana do Mutirão da Cidadania segue para o Parque Nacional do Xingu, onde se concentram aproximadamente quatro mil índios. O mutirão acontece no Posto Leonardo e a expectativa é que pelo menos 800 atendimentos sejam realizados no local, beneficiando várias etnias da região.

Durante este dia, os índios terão acesso à emissão de documentos (certidão de nascimento, carteira de trabalho, carteira de identidade, CPF, cartão SUS e título de eleitor), atendimento oftalmológico, aferição de pressão arterial, além de orientações sobre preservação do meio ambiente.

Segundo o superintendente de assuntos indígenas do Governo do Estado, Rômulo Vandoni Filho, a comunidade local aguarda ansiosa pela ação. "No local existe uma grande demanda na parte de documentação. Outra questão fundamental é a orientação de preservação do meio ambiente, já que são comuns incêndios em aldeias", comentou.

Uma equipe de mais de 30 pessoas estão envolvidas diretamente com a realização do evento, coordenado pelas secretarias de Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistência Social (Setecs) e de Justiça e Segurança Pública (Sejusp).

O Parque Nacional do Xingu está localizado em uma área de difícil acesso e o transporte será feito através de balsa, numa viagem de mais de três horas, partindo do município de Gaúcha do Norte (595 km ao Norte de Cuiabá).

"Será um desafio e, ao mesmo tempo, uma gratificação muito grande levar serviços de cidadania a essas comunidades. Sabemos das carências dessas pessoas e da importância que a ação terá para a população indígena", destacou a coordenadora do mutirão, Marly Colturato.

BAKAIRI - O primeiro mutirão realizado numa comunidade indígena foi em outubro de 2005, beneficiando a Reserva Bakairi, localizada a 100 quilômetros de Paranatinga, na região sul de Mato Grosso. Na época foram totalizados 2.781 atendimentos, sendo 331 diretos e 2.450 mil indiretos.

Na Reserva Bakairi, com 61.405 hectares, vivem 682 índios distribuídos em nove aldeias - Aturua, Paikum, Kaiahoalo, Alto Ramalho, Sawâpa, Cabeceira do Azul, Kuiakuare e Iahodu -, sendo a principal a aldeia Pakuera.

CARAVANA - Desde o início do mês que a caravana do mutirão segue em viagem pelo interior de Mato Grosso. No dia 1o de setembro o evento beneficiou o município de Jangada (80 km ao Norte de Cuiabá). Ainda serão beneficiadas nesta caravana as cidades de Querência (13.09), Água Boa (14.09) e Novo São Joaquim (19.09).

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.