VOLTAR

Mogno

O Liberal (Belém - PA)
05 de fev de 1993

O empresário Artur Morel, da Federação do Comércio de Madeira da Inglaterra, chega ao Pará para verificar de onde nossas madeireiras estão extraindo mogno. Essa misão resulta de pressão de entidades ambientalistas porque os madeireiros estão explorando reservas indígenas.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.