VOLTAR

Médici veta participação religiosa junto aos índios

O Estado de S.Paulo (São Paulo - SP)
21 de dez de 1973

Ao sancionar ontem o Estatuto do Índio, o presidente Médici vetou três parágrafos e um artigo emendados pelo Congresso ao projeto original enviado pelo Executivo. A principal discordância por parte do presidente se relaciona à atuação das missões religiosas no trabalho e na prática assistencial aos povos indígenas. Médici vetou esse artigo, por entender que essa responsabilidade deve ser direito e dever exclusivo da União. Admitiu, porém, que o auxilio das missões será bem vindo e encorajado.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.