VOLTAR

As marcas de Caim

Folha de S.Paulo, p. 1-3 (São Paulo - SP)
Autor: ROMANO, Roberto
25 de fev de 1993

Roberto Romano, professor de Filosofia Política da Unicamp, aborda nesse artigo a questão levantada pelo relatório, elaborado pela Anistia Internacional, sobre a violação dos direitos humanos dos povos indígenas. Romano sustenta que desde o século 16, pelo menos, desenvolveu-se na consciência ocidental um complexo de certezas genocidas, que levou ao massacre milhares de povos indígenas, e com o qual ainda hoje é preciso romper. Ele afirma, por fim, que não se pode permanecer neutro frente a violência que assola os povos ameríndios.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.