VOLTAR

Manaus sepulta 3 vítimas do ataque dos atroaris e recebe os corpos de mais 2

Jornal do Brasil (Rio de Janeiro-RJ)
10 de out de 1974

Os corpos das vítimas do ataque dos Waimiri-Atroari ao posto da Funai no rio Alalaú já se encontram em Manaus, assim como o corpo de Palmério Souza Vieira Veloso, 21 anos, também funcionário da Funai, que cometeu suicídio no município de Maués. O sertanista Gilbeto Pinto tentará reiniciar o trabalho de pacificação dos Waimiri, para que as obras de desmatamento da região tenham prosseguimento. A notícia também traz informações sobre as visitas do Ministro Rangel aos grupos indígenas assistidos pela Funai. Rangel manifestou entusiasmo pelo trabalho que vem sendo realizado no Parque Nacional do Xingu, mas considerou "decadente" a situação dos Xavante, prometendo sua ajuda.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.