VOLTAR

Madeireira nega ter invadido área indígena e contesta despacho

Diário do Pará (Belém - PA)
21 de jan de 1993

A madeireira Maginco S.A negou ontem, em documento enviado ao ministro do Meio Ambiente, ter qualquer atuação nas áreas indígenas citadas no despacho feito pela juíza Selene Maria de Almeida.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.