VOLTAR

Lutzenberger culpa governo por queimada

Jornal do Brasil, Rio de Janeiro - RJ
06 de ago de 1992

O caso Paiakã e as queimadas na Amazônia, que persistem este ano com maior intensidade têm prejudicado a imagem ambiental do Brasil no exterior. A constatação é do ambientalista José Lutzenberger, ex-secretário do Meio Ambiente da Presidência da República, que defendeu ontem uma ação conjunta da Funai e do Ibama para evitar que os caciques indígenas kayapó, do sul do Pará, continuem negociando madeira nobre de suas reservas.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.