VOLTAR

Leilão pode atingir terra dos xavantes

Correio Braziliense
29 de nov de 1992

A representação regional do Cimi, atenta à realização do leilão de 65 mil 960 hectares da Liquifarm Agropecuária Suiá Missu S/A, alerta os participantes sobre o risco de, sem a prévia comprovação dos promotores destas vendas, estarem adquirindo trecho de terra integrante do território Xavante. O governo do Mato Grosso também reivindica o trecho a ser leiloado para assentamento das famílais que invadiram a fazenda Suiá Missu.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.