VOLTAR

Juruna não quer discutir sua emancipação com Funai

Diário de Pernambuco (Recife/PE)
09 de dez de 1980

O cacique Juruna regressando de sua viagem à Holanda, expõe que não quer discutir com a Funai sua possível emancipação. Mário considera mais importante no momento a criação de uma federação indígena como as que viu no Tribunal Russell.

Participou da Convenção Nacional do PMDB na Câmara dos Deputados, onde falou por sobre "malandragem do branco" e, ofendeu-se com o comentário do senador Passarinho.

No corpo da mesma notícia, há um quadro sobre o cenário de Juruna, escrito por Austregésilo de Athayde.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.