VOLTAR

Invadida área mayoruna

Porantim
01 de ago de 1983

Um projeto de colonização ameaça os índios Matsés que vivem nas proximidades do rio Jvari e seus afluentes. A ameaça também atinge outros índios não-contatados que circulam pelas cabeceiras do rio Barã e Hospital. O projeto de colonização de Petrônio Magalhães visa colocar 800 famílias para extrair borracha na área indígena. A primeira leva de seringueiros, composta por 100 pessoas, já chegou ao local, em condições precárias de saúde.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.