VOLTAR

Índios protestam

O Estado de São Paulo (São Paulo-SP)
09 de jul de 1987

A comunidade Tuxá se dividiu após a inundação de suas terras por causa da construção da barragem de Itaparica, no rio São Francisco, pela Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf), que assinou convênio com a Funai para a transferência da comunidade indígena. Agora, os Tuxá estão em parte no município de Rodelas, enquanto outro grupo está em Ibotirama, e protestam contra a Chesf por não cumprir as determinações do convênio.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.