VOLTAR

Índios na Ilha do Urubu

A Tarde (BA)
21 de fev de 2010

A pendenga da valorizadíssima Ilha do Urubu, em Trancoso, Porto Seguro (o metro quadrado mais caro da América Latina), mudou de foco: o cacique Arakati, da aldeia Imbiriba, também presidente do Conselho de Caciques Pataxós, aproveitou o Carnaval e comandou a ocupação da Ilha do Urubu por um grupo de índios. Os argumentos dele: está defendendo os interesses da índia Iracema Alves Martins, segundo documentos por ele apresentado, também herdeira das terras.

Arakati diz que desde 1906 as terras pertenciam à Prefeitura de Porto Seguro e em 1964 o prefeito de então transmitiu a propriedade ao pai da índia, Aloísio Martins.

As terras de Itapororoca, ou Ilha do Urubu (avaliadas em mais de R$ 150 milhões), foram doadas a posseiros em 2006 pelo governo e acabaram nas mãos do milionário belga Philippe Meeus, que já tem uma sucessão de litigantes e agora também os índios. Noutras palavras, virou briga de índio

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.