VOLTAR

Índios interditam Rodovia Mário Covas contra municipalização da saúde indígena

O vale https://www.ovale.com.br
16 de jul de 2019

Um grupo de indígenas interditam a Rodovia Mário Covas, que liga Ubatuba a Paraty, na manhã desta terça-feira (16) contra medidas de municipalização da saúde indígena. A interdição, que teve início às 10h40, reúne manifestantes na altura do bairro Prumirim, em Ubatuba.

O protesto dos índios possui como reivindicação a garantia da Sesai (Secretaria Especial de Saúde Indígena), órgão vinculado ao Ministério da Saúde. A comunidade, que já se reuniu com o prefeito Délcio Sato para discutir o assunto em abril, defende que uma eventual municipalização da Sesai pode implicar em aumento da sobrecarga da rede de postos da atenção básica do SUS (Sistema Único de Saúde), prejuízo para o município e, principalmente, em maior desamparo para a comunidade indígena.

Em decreto assinado no final de maio, o governo Jair Bolsonaro (PSL), que defende ter desistido da extinção da pasta, anunciou o fechamento de cargos e a extinção ou alteração em alguns departamentos. Segundo o Ministério, as mudanças dariam mais eficiência às políticas públicas.

Na prefeitura de Ubatuba, o prefeito afirmou ter se comprometido a encaminhar um ofício à União e ao Ministério da Saúde contra a municipalização.

https://www.ovale.com.br/_conteudo/nossa_regiao/2019/07/83099-indios-in…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.