VOLTAR

Índios fazem novo ataque

O Estado de São Paulo - SP
09 de set de 1980

Outro subgrupo de índios kayapó, os xikrin, que vivem numa região não muito distante da reserva dos índios Gorotire, no Pará, onde ocorreu o massacre de 20 pessoas na semana passada, atacaram no último sábado a fazenda "Japonesa", que estava invadindo os limites da área indígena. Os índios saquearam a sede da fazenda e prometeram partir para atos mais violentos, caso prossigam as invasões de suas terras pelas madeireiras envolvidas na exploração de mogno.
Na aldeia dos Gorotire, a própria comunidade indígena poderá punir os guerreiros mais jovens por terem matado mulheres e crianças na fazenda Espadilha, segundo informou o delegado regional da Funai, Paulo César Abreu. Os kayapó, nestes casos, tinham o hábito de levar as crianças consigo para viver na aldeia e não matá-las.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.