VOLTAR

Índios Cinta Larga de Juína pedem apoio ao poder público

Top news http://www.topnews.com.br/home
21 de mar de 2018

A reunião com os representantes indígenas da etnia Cinta Larga aconteceu na tarde desta terça-feira (20) na sede do CEFAPRO em Juína, no noroeste de Mato Grosso.

Estiveram presentes no encontro o prefeito Altir Peruzzo, vice-prefeito Luiz Brás, secretários municipais de agricultura e Sinfra, João Manoel e João Reis. O objetivo era levantar as demandas da aldeia junto ao poder público para buscar ações que visem o benefício de todos os indígenas.

São aproximadamente 500 indígenas que sobrevivem da venda de castanhas e que buscam nesta parceria com o executivo melhorar a agricultura familiar (que hoje beneficia a subsistência das famílias), tornando-a geradora de renda, e também pedem a revitalização das estradas de acesso as aldeias e a construção de novas pontes de madeira.

O prefeito Altir Peruzzo manifestou apoio à comunidade indígena Cinta Larga. "Todo início de ano nós sentamos para discutir algumas questões relacionadas à aldeia, que é o ICMS ecológico, que é aquele custo que a gente disponibiliza através de projeto pré-definido por eles para alguma ação em benefício da aldeia, da sustentabilidade deles e algumas ações como recuperação de estradas, que a secretaria de agricultura possa estar ajudando no desenvolvimento de algumas culturas da aldeia. E neste ano com o apoio da própria funai eles organizaram de uma forma diferente, estão fazendo numa forma de um círculo de debates onde trouxeram os caciques de todas as aldeias e estão sentando com setores diferentes." - disse.

O presidente da Associação do povo indígena Cinta Larga, Valdomiro Cinta Larga, disse ter boa relação com o prefeito Altir e acredita que apoio do mesmo em beneficio as aldeias.

"Debatemos a questão das estradas de acesso as aldeias que estão precárias, na área da saúde e educação. Sempre tivemos uma parceria boa com o prefeito e sei que ele vai nos atender. Na secretaria de agricultura nós pedimos o apoio para produção de novas culturas, fortalecimento de nossa agricultura familiar, que é nosso meio de subsistência. Produzimos toneladas de castanha, que é maior renda das aldeias." - salientou.

O secretário de agricultura João Manoel manifestou que pode colaborar com a comunidade indígena. "Eles podem ter o apoio da secretaria de agricultura, nosso técnicos são capacitados no diz respeito à agricultura familiar. Então a agricultura indígena se encaixa nesse perfil e a conversa foi bem produtiva. Vamos fazer um levantamento dentro das possibilidades, para que possamos aproveitar as roças indígenas, além de melhorar a qualidade das roças tradicionais, tornado a também comerciais para geração de renda para aldeia." - ressaltou.

Segundo Vagner Campos Araújo, Coordenador Técnico Local Cinta Larga, a reunião foi produtiva para ambos os lados. "Foi muito produtiva, tanto com o pessoal da prefeitura que se dispôs a participar e colaborar, quanto o pessoal do IBAMA. Hoje discutimos com o IBAMA a possibilidade em haver o apoio na retirada de madeira para construção de casas e também de pontes na região e com o pessoal da prefeitura a gente discutiu principalmente a revitalização das estradas, por que estão em condições muito ruins há alguns anos. A questão das sementes, manejo agrícola, dentre outras questões." - comentou.

http://www.topnews.com.br/noticia/53919/indios-cinta-larga-de-juina-ped…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.