VOLTAR

Índio perde terra mas ganha verba

Correio Braziliense
27 de mar de 1987

A comunidade indígena Parakanã, que foi obrigada a se transferir de suas antigas reservas em face do alagamento de parte delas pelo reservatório da usina hidrelétrica de Tucuruí (PA), será ressarcida em dinheiro e projetos de assistência pelo período de cinco anos, até que adquira autonomia e autogestão sobre suas necessidades de sobrevivência, através de convênio entre Funai e Eletronorte.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.