VOLTAR

Índio explica a suspensão de empréstimo

Correio Braziliense, Brasília - DF
13 de ago de 1988

O índio Paulinho Paiakã, da nação Kayapó, que em fevereiro passado, junto com seu parente Kubey, conseguiu que o Banco Mundial suspendesse em empréstimo de 5,5 bilhões de dólares para a construção de uma hidrelétrica, deu ontem a sua versão da viagem que fez à Flórida e a Washington, acompanhado do cientista americano Darrell Posey, que agora está ameaçado pela Polícia Federal de ser expulso do Brasil.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.