VOLTAR

Indígenas protestam em Santarém por melhorias na saúde pública

G1- http://g1.globo.com
09 de ago de 2016

Indígenas de 13 etnias da região do Baixo Tapajós, entre elas, Munduruku cara preta, Apiaká, Arapiuns, Borari e Tapajós ocuparam por volta de 11h a sede da Casa de Saúde Indígena (Casai) por melhorias na saúde pública na Sede da Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), no município de Santarém, no oeste do Pará. Para ter acesso ao prédio do órgão, eles serraram os cadeados. O grupo reivindica melhorias nos atendimentos de saúde.

De acordo com as lideranças indígenas, até o momento a Casai não efetivou o cadastro dos indígenas junto ao Sistema Único de Saúde, o que tem dificultado o acesso aos serviços. "Nós não temos atendimento aqui. Nós queremos ter oportunidade de também ser atendido porque a gente não tem o atendimento que pode gerar conforto para nós. Sempre somos barrados. Toda vez que trazemos pacientes somos barrados", disse o indígena Antônio Pereira, morador da Aldeia Escrivão, no município de Aveiro.

Em entrevista a TV Tapajós, o coordenador da Casa de Saúde Indígena (Casai) em Santarém, Joaquim Martins informou que os recursos que chegam ao órgão são destinadas para atendimentos das etnias Wai-Wai e Zo'é. "Não tem para o povo do Tapajós. A outra Casai só tem para o povo Munduruku. A gente informou ao Ministério Público, mas Brasília ainda não deu sinal para a gente poder atender eles. Infelizmente essa situação não depende da gente".

Os indígenas ressaltaram que só encerrarão a ocupação após receberem um posicionamento de Brasília. A Polícia Militar foi acionada ao local para garantir a segurança.

http://g1.globo.com/pa/santarem-regiao/noticia/2016/08/indigenas-protes…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.