VOLTAR

Ideflor-bio apreende pescado, arma e equipamentos durante operação em Tucuruí

G1 - http://g1.globo.com/
Autor: G1 PA Belem
21 de abr de 2019

Ideflor-bio apreende pescado, arma e equipamentos durante operação em Tucuruí
21/04/2019 11h03

Por G1 PA - Belém

Na última quinta-feira (18), cerca de 300 quilos de pirarucu e mais de uma tonelada e meia de outras espécies de pescado sem procedência e nota fiscal foram apreendidos.

Mais de nove mil metros de malhas de pesca, sete amarradores, sete telões e uma arma caseira foram apreendidos durante a Operação Semana Santa, na região do Mosaico Lago de Tucuruí, no sudeste do Pará. O resultado foi divulgado pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-bio) neste domingo (21) quando a operação foi encerrada. Na última quinta-feira (18), cerca de 300 quilos de pirarucu e mais de uma tonelada e meia de outras espécies de pescado sem procedência e nota fiscal foram apreendidos.

O trabalho de fiscalização está sendo realizado desde 2015, nos períodos de defeso, que ocorrem sempre de 1o de novembro a 28 de fevereiro. No último período de defeso, as operações realizadas Ideflor-bio, Semas, secretarias municipais e Polícia Militar resultaram na apreensão de 21.825 mil quilos de pescado, na região do Mosaico Lago de Tucuruí, além de 26.800 mil metros de malhas de pesca e outros equipamentos irregulares, como 107 arpões, oito amarradores, três telões e 33 armas.

O Mosaico do Lago de Tucuruí é uma área de proteção ambiental, formada por três unidades de conservação, que abrange os limites territoriais dos municípios de Tucuruí, Breu Branco, Goianésia do Pará, Jacundá, Nova Ipixuna, Itupiranga e Novo Repartimento. Compreende uma área de 568.667 hectares no sudeste paraense.

https://g1.globo.com/pa/para/noticia/2019/04/21/ideflor-bio-apreende-pe…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.