VOLTAR

IBDF estudará se a madeira é roubada ou não

Correio do Estado (Campo Grande-MS)
16 de jan de 1985

A primeira providência da IBDF será investigar a quem pertence a área de onde a madeira foi extraída, aos Guarani Kaiowá ou ao proprietário da Fazenda São José.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.