VOLTAR

Histórias de um sertanista

Outras Palavras, V.1, Nº7, p.20-24 (São Paulo - SP)
31 de ago de 2000

O sertanista José Porfírio de Carvalho, enviado pela Funai ao Acre, foi responsável pelo primeiro levantamento que apontou a existência de indígenas no Estado, que viviam trabalhando nos seringais. Se envolveu no processo de retomada e demarcação de terras dos Apurinã. Para tanto, enfrentou fazendeiros e chegou a prender um matador profissional de índio, Pedro Biló.

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.