VOLTAR

Grupo cria carta de compromisso para educação em UCs

Fórum Brasileiro de Educação Ambiental - http://viiforumeducacaoambiental.org.br
Autor: Heloisa Bio
26 de Jun de 2012

Aproximar o debate sobre a contribuição da educação ambiental nas Unidades de Conservação, e seu papel no fortalecimento da participação social, foi o objetivo do Encontro Diálogos sobre Educação Ambiental em UCs, em 28 de março, durante o VII Fórum de Educação Ambiental. A iniciativa, que conseguiu reunir cerca de 120 pessoas, entre representantes de ONGs, governo, instituições de ensino e empresa, foi organizado pela Diretoria de Educação Ambiental do ICMBio, com a intenção de trazer os anseios da sociedade para a agenda da proteção ambiental.

O encontro resultou numa importante carta de compromisso com a educação ambiental nessas áreas protegidas. "O documento será entregue à coordenação do VII Fórum para que seja considerado nas discussões da Rio+20", destacou Fabiana Prado, coordenadora da Diretoria de Educação Ambiental do ICMBio.

Essencialmente, os participantes se reuniram em grupo na tentativa de responder às seguintes questões que definiram o conteúdo da carta: quais as perspectivas para o fortalecimento da educação ambiental nas Ucs, os desafios a serem enfrentados dentro e no entorno das unidades, as propostas de fortalecimento da educação ambiental e como cada um pode se responsabilizar por essas ações.

Para Célia Regina, representante da Reserva Extrativista Marinha Mãe Grande Curuçá, no Pará, "mobilizar e articular a população extrativista de toda a Amazônia é uma das estratégias para zelar pelos recursos naturais e garantir o direito ao território". Ela e os demais presentes vieram de diferentes Estados, de Rondônia à Rio Grande do Sul, e de segmentos tão distintos quanto Secretarias Municipais de Meio Ambiente, escolas rurais, organizações sociais e cidadãos interessados no tema.

Ao final, a carta que está sendo fechada pela equipe do ICMBio trouxe demandas e questões como: a busca por ampliar a gestão das UCs para o território do município e tornar as pessoas protagonistas do processo decisório, o fortalecimento da educação ambiental como meio de autonomia e participação social e a intenção de fazer a Encea (Estratégia Nacional de Comunicação e Educação Ambiental em Unidades de Conservação) evoluir à luz das experiências e métodos já existentes.

http://viiforumeducacaoambiental.org.br/2012/06/grupo-cria-carta-de-com…

As notícias aqui publicadas são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.